Brasileiros vão priorizar pagamento à vista na Black Friday

Público deve fugir dos parcelamentos, especialmente se os descontos forem agressivos para pagamento no ato

Postado em Notícias em

Na Black Friday 2016, o público deve realizar os pagamentos de uma forma diferente do que fez em 2015, no caso, priorizando as compras à vista. Em pesquisa realizada pelo Mercado Livre, ficou claro que os consumidores serão atraídos por descontos agressivos para pagar no ato, então o parcelamento, tão usado no ano passado, deve ser deixado de lado por 64% dos participantes.

Na última edição, o pagamento parcelado e sem juros no cartão de crédito foi o mais escolhido (65,8%), com a minoria optando por sanar a dívida de uma só vez. Os maiores alvos eram smartphones, eletrodomésticos, itens de informática, áudio e vídeo. Além disso, o setor de moda e decoração também teve procura alta.

Marcada para o dia 25, a Black Friday vai derrubar preços em diversos setores do comércio, físico e virtual, com promoções bem atraentes. Em 2015, o período era quase de recessão econômica, mas ainda sim os brasileiros gastaram em média R$ 611, número que deve ser ainda maior nesta edição. O método de pagamento foi prioritariamente o cartão de crédito com 72%, enquanto 23% optou pelo boleto bancário.

Foto: Divulgação

[vitrine tipo="produto" termo="5,2" quantidade="4" ]

Sites Participantes

Nós buscamos as melhores ofertas nas lojas participantes. Conheça!